Uma singela homenagem ao Dia das Mães!



Eu soube da minha gravidez no natal de 2011. Portanto, o meu primeiro ano como mãe eu ainda passei com a pequena Lara na barriga. E, quer saber? Eu nem conto! Por isso, eu digo que este é o meu segundo como como mãe, já que hoje essa riqueza da foto está com um ano e dezoito meses.

É inacreditável como a maternidade transforma as nossas vidas. É tão indescritível que somente quem é mãe sabe de fato o que eu estou tentando externar. Hoje eu compreendo todos os nãos que eu ouvi, todas as palavras de sabedoria que na época eu achava uma chatice sem fundamento, e todas as lições de no fundo eram para o meu aprendizado e crescimento como pessoa. E se hoje sou o que sou, devo grande parte a minha mãe - não que o meu pai não tenha tido participação fundamental, mas isso eu deixo para escrever na homenagem ao Dia dos Pais.

Mãe: três letras que dão origem a inúmeras definições que resumidamente podemos descrever como "amar incondicionalmente". E isso não significa amar apenas o seu filho de forma incondicional. Com a maternidade eu passei a ver o mundo de forma diferente. A dar valor a pequenas coisas, a amar de forma intensa a natureza, os pequenos gestos, os animais, as crianças, o universo e a todos que nele habitam. Ser mãe é viver em paz e harmonia e distribuir amor e felicidade!

Hoje já é segunda e espero que muitas de vocês tenham passado um dia agradável. Que tenham recebido muitos presentes, pois é um gesto de reconhecimento. Mas que se lembrem que o maior presente, o dom de gerar ou se doar pela vida, já lhes foi dado por Deus. Pois, para ser mãe, não é preciso gerar em seu ventre um ser. Quem adota e dá carinho é muitas vezes mais mãe do quem simplesmente só coloca no mundo.

Parabéns a todas as mães que são batalhadoras, guerreiras e que acima de tudo levam o amor para onde forem!



Comente com sua conta Blogger
Comente com sua conta Google+

Um comentário:

Seu comentário é sempre muito bem vindo!



Instagram

Arquivos

Dados do blog

Dias online
Postagens
comentários