Paraiso Moda Bebê patrocina jovem no Jiu-Jitsu


A prática de esporte é essencial para uma melhor qualidade de vida. Assim como o conhecimento faz diferença no mundo em que vivemos. Para as crianças e adolescentes o esporte proporciona momentos de aprendizagem. Acreditando nisso a Paraiso Moda Bebê está patrocinando um jovem de 18 anos a praticar o jiu-jitsu.


Nascido em Terra Roxa – PR, Vitor Hugo Marchetti Martins tem 18 anos, começou a treinar com 17 e atualmente está na faixa azul da modalidade. Confira a entrevista abaixo e um pouco mais sobre este lutador.
Vitor, nos conte um pouco mais sobre a sua relação com o Jiu-Jitsu, quando você começou a treinar?
Minha relação com o Jiu-Jitsu começou no início do ano passado (2012) com 17 anos. Porém, antes de praticar eu não era muito fã. Sempre admirei quem lutava, mais nunca tinha me imaginado ali, lutando. Um dia quando fui para a academia, vi que havia começado aulas, perguntei como funcionava e resolvi fazer um treino, depois disso não quis mais parar.

O Jiu-Jitsu é uma arte marcial fantástica, com ela nós aprendemos que nem sempre a força é superior, pois existe a técnica que se aplicada da maneira correta, supera a força. Aprendemos também a respeitar o próximo, ter mais disciplina e respeito, ter mais controle com as nossas próprias atitudes e que violência não leva a nada e se formos lutar, que seja se divertindo nos treinos e não com confusão na rua.

Nos conte como é a sua rotina de treinamento e quais são as maiores inspirações e influencias no Jiu-Jitsu?
Treino três vezes por semana, das 20 horas até as 22 horas.
Uma grande inspiração, foi meu próprio professor aqui de Terra Roxa, Roberto Godoy (Faixa Marrom), foi ele e o nosso professor Jorge Hori (Faixa Preta, professor em Guaíra e Terra Roxa) que com paciência e cuidado mostrou, explicou e ensinou essa arte fantástica e fez que nós chegássemos ao que somos hoje. Foi esse esforço e dedicação que levou esse grupo ao nível de uma família, que tem como base a amizade e a parceria. Hoje não participo de uma equipe Kamikaze, hoje participo da Família Kamikaze.

Quais são as maiores dificuldades que você enfrenta para poder continuar praticando o Jiu-Jitsu?
A maior dificuldade que afasta a maioria é o valor por se praticar esse esporte e o apoio para irmos para as cidades de fora em campeonatos. A maioria se assusta no começo com o valor do “kimono” (traje de luta), pois ao contrário do futebol, o nosso traje é mais caro, variando de 200 até 500 reais dependendo a marca e cor. Graças a Deus, quando não tenho dinheiro sempre recebo apoio da minha mãe e do meu pai, mesmo minha mãe não gostando que eu lute ela sempre me ajuda. Acho que é uma das coisas que a mãe sacrifica pelos filhos, pois toda vez que vou participar de algum campeonato, percebo ela fica com o coração na mão, pensando em dizer para mim não ir com medo de me machucar, mas me apoia mesmo assim. Mais agora com o apoio da Paraiso, vou ter mais condições para ir nos campeonatos, sem me preocupar tanto.

Qual é o seu maior sonho como pessoa, e o maior sonho como lutador?
Meu maior sonho é simplesmente ganhar a vida. Como? Não sei, por em quanto queroentrar em uma faculdade, me formar, construir uma vida que eu possa ajudar meus pais. Mas com o tempo eu vou pintando minha história, aproveitando o que eu puder e me divertindo.

Bom, como lutador eu não gosto de fazer muitos planos, acho que isso trava a evolução. Quando você inicia o Jiu-Jitsu, percebe que há muita coisa a se aprender, tanta coisa que até um faixa preta não sabe tudo, por isso que é gostoso lutar, por que é um esporte que você está aprendendo constantemente e quando você percebe, tudo vai se encaixando, tudo vai se moldando e você evolui de uma forma mais livre, sem medo.
A Paraiso está acreditando na sua jornada, por isso queremos lhe desejar muita sorte e bençãos, e conte com a nossa empresa para estar lhe ajudando a conquistar os seus sonhos.
Quero agradecer mais uma vez a vocês da Paraiso, pelo apoio e pela confiança de emprestar seu nome a mim que estará levando e representando nos campeonatos. Esse apoio veio na hora certa, sempre serei muito grato a vocês por essa ajuda e também quero parabenizá-los por apoiar esse esporte que está crescendo cada vez mais em nossa cidade e que essas atitudes sirvam de exemplo para mais empresas investirem no esporte e nos sonhos das pessoas.

Obrigado mais uma vez.





Comente com sua conta Blogger
Comente com sua conta Google+

2 comentários:

  1. Parabéns ao Paraiso do bebe pela iniciativa e ao Vitor por estar se empenhando nesse esporte!

    beijinhos ;*

    http://noostillo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. oi amada, passando para desejar uma semana com muita saúde, amor e paz!!
    bjs
    tititi da dri

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre muito bem vindo!

Google+ Followers

Arquivos

Dados do blog

Dias online
Postagens
comentários