Como se divertir mais nos bloquinhos e gastar menos no Carnaval

O ano termina, começa outra vez e aí vem ... IPTU, IPVA, matrícula na escola, material escolar, apostila, uniformes entre outras despesas que já constam no orçamento e tudo com aumento de preço. E não dá pra viver uma vida sem diversão porque aí você para e pensa "pra que trabalhar tanto se eu não posso me permitir divertir?" e isso conta o dobro quando você tem filhos! Eles são pura energia e querem mesmo é folia, não só no carnaval mas é nessa época que pais e filhos aproveitam para curtirem juntos.

O bacana mesmo é que nós brasileiros somos muito criativos. E essa é a nossa natureza! Inventamos, reinvetamos, criamos e sempre arrumamos um jeitinho de desenvolver formas alternativas para gastar menos. E a dica de hoje está totalmente alinhada nesse ponto. Nas festas de fim de ano, por exemplo, ideias como o tradicional amigo secreto têm evitado gastos exorbitantes com presentes de Natal.  Assim todos ganham presentes e você não precisa comprar um para cada pessoa. 

Entretanto, o Carnaval é outro assunto. Segundo o consultor financeiro Guilherme de Almeida Prado, a folia torna as pessoas mais impulsivas e relaxadas – o que predispõe a gastos excessivos. E, ainda há a ilusão de que pular o Carnaval em bloquinho sai de graça. Na opinião do especialista, para evitar sustos financeiros, o mais importante é planejar. “Os bloquinhos têm sido um convite a uma diversão que aparentemente é gratuita. Mas, somados aos gastos com transporte, alimentação, fantasias e bebidas antes, durante e depois da festa, vemos que o custo pode ser equivalente ao de uma viagem, por exemplo. Portanto, é muito importante estar atento ao planejamento para não dar espaço à ressaca financeira pós-Carnaval. Com um pouco de planejamento é possível gastar menos e se divertir mais”, avalia o autor do livro “Conquiste Mais”.

E se você quer cair na folia com suas crianças esse ano, que tal conferir algumas dicas dadas pelo especialista em finanças pessoais para gastar menos? Você não vai se arrepender, pelo contrário vai se divertir com dinheiro no bolsa!

imagem: reprodução

DICA #1 
Definir um orçamento de quanto quer gastar no Carnaval.Pode parecer chato e pouco espontâneo, mas funciona. Os gastos sem planejamento costumam ter um impacto negativo no orçamento dos meses pós-Carnaval.

DICA #2
Fazer esquenta em casa. Todo mundo já sabe, mas quem não se planeja gasta mais. Comprar bebida no supermercado sai muito mais barato do que no bar.

DICA #3
Comprar as bebidas e petiscos pelo menos uma semana antes do Carnaval, pois os supermercados costumam subir os preços quando a festa se aproxima.

DICA #4
Comprar as bebidas e petiscos em hipermercados ou atacarejos. Esses estabelecimentos comerciais são mais baratos que o supermercado do bairro e muito mais em conta que a loja de conveniência.

DICA #5
Abastecer a geladeira de comidas congeladas. Essa é uma dica importante no projeto de economia porque quando você voltar da balada não vai precisar gastar em uma lanchonete.

DICA #6
Usar o Uber Juntos. A dica é rachar a conta com outras pessoas – amigos ou não.

DICA #7 
Pensar nas fantasias com antecedência. Pensar antes no figurino permite ser criativo e gastar pouco – ou quase nada. Se deixar para última hora, talvez tenha de sair correndo de casa, gastar com transporte e pagar caro por uma fantasia.

DICA #8
Abastecer a geladeira para não ter de comprar bebida gelada de última hora.
Comente com sua conta Blogger
Comente com sua conta Google+

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é sempre muito bem vindo!

Arquivos

Dados do blog

Dias online
Postagens
comentários